Prêmio de Jornalismo
home
inscrições
Histórico
noticias
regulamento
Premio de Jornalismo

O Prêmio de Jornalismo é o resultado de muitas e estimulantes parcerias: dos que o fazem, dos que criam condições e dos que contam a história do desenvolvimento do nosso país. Criado em 2001, veio para marcar os 40 anos da Massey Ferguson no Brasil e destacar o talento e a dedicação dos profissionais que registram, através dos meios de comunicação, a história da agricultura brasileira e a evolução do setor rural a cada dia.

O Prêmio estreou com três categorias - impresso (que reunia jornal e revista), rádio e TV. Logo na segunda edição foi incluída a categoria internet e a impressa foi transformada em duas: jornal e revista. A partir da terceira edição, com o objetivo de premiar o talento de quem sabe olhar e captar o trabalho do homem do campo, o Prêmio passou a ter seis categorias com a inclusão de Fotojornalismo. Na 10ª edição, em comemoração aos 50 anos da presença da Massey Ferguson no Brasil, o Prêmio contou com uma categoria especial, além da inclusão da categoria Estudante que foi premiada com R$ 5 mil. Em 2012, o Prêmio de Jornalismo se reinventa e, além de premiar com R$ 10 mil os vencedores das categorias já existentes, ainda inclui a categoria Mercosul, do qual o vencedor ganhou uma viagem com acompanhante par o Rio de Janeiro. Na 12ª edição, os segundos e terceiros colocados foram comtemplados com um tablet e uma câmera fotográfica, respectivamente. No mesmo ano, a categoria internet passou a ser chamada de “Multimídia” e, dessa forma, valorizar a capacidade interativa dos conteúdos publicados.

Ano a ano cresce o número de inscrições e de estados participantes. Enquanto na primeira edição foram registrados 34 trabalhos inscritos, em 2017 chegaram a quase 800. A alta adesão faz com que o Prêmio de Jornalismo seja consagrado como símbolo de reconhecimento máximo dos talentos do jornalismo do agronegócio brasileiro. Os vencedores são eleitos por toda a Comissão Julgadora de acordo com a produção, investigação e apuração de dados, fontes entrevistadas, relevância e abrangência do tema. Dessa forma, a Massey Ferguson cumpre seu papel de incentivadora de profissionais que divulgam os temas relativos ao setor rural e à agricultura brasileira, ressaltando a relevância de questões que interferem direta ou indiretamente no desenvolvimento da economia e da sociedade.

LINHA DO TEMPO

2002   2004   2006   2008   2010   2012   2014   2016
  2003   2005   2007   2009   2011   2013   2015   2017  

2017

O 16º Prêmio de Jornalismo encerrou a edição com novo recorde de trabalhos cadastrados. Ao todo, 774 conteúdos jornalísticos sobre agronegócio concorreram à premiação nas sete categorias (Jornal, Revista, Multimídia, TV, Fotojornalismo, Estudante e Américas do Sul, Central e Caribe), um aumento de 20% em comparação com a edição anterior. Para este ano, o concurso aumentou em 50% o valor da premiação dos primeiros colocados.

Os grandes vencedores receberam R$ 15 mil em cada categoria, os segundos foram premiados com um tablet e os terceiros colocados com um smartphone. Já o vencedor da categoria Estudante levou para casa R$ 7 mil, enquanto o profissional da categoria Américas do Sul, Central e Caribe foi contemplado com uma viagem com acompanhante para Porto Seguro (Bahia).

Na ocasião, o jornalista José Luiz Tejon recebeu a homenagem especial ‘Destaque AGCO do Agrojornalismo Brasileiro’, como reconhecimento por sua notória contribuição para o desenvolvimento, promoção e valorização do agrojornalismo brasileiro.

Categoria Colocação Autor Título Veículo Cidade/UF/País Créditos para as equipes de reportagem
América do Sul, Central e Caribe Maria Eugenia Fernández A Renovarse o Morir Revista Mundoagro Santiago/Chile
Carmen Victoria Inojosa Cosecha de hambre El Nacional Caracas/Venezuela
Tomer Urwicz La polémica que se fue de las manos El País Montevidéu/Uruguai
Estudante Ronaldo Fontana de Faria Campo de Ideias Canal Universitário - TV UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina Florianópolis/SC Jonatan dos Santos
Matheus Bernardes Paim Lalis Marcas da evolução no campo Universidade Federal do Pampa - Campus São Borja São Borja/RS
Danielle Oliveira Mugarte Cultura do Agrotóxico: Prejudicial e Necessária Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Campo Grande/MS Maria Carolina Amorim de Souza e Larissa Pereira
Fotografia Sergio Reghin Ranalli Domínio da Uva Folha de Londrina Londrina/PR
Marcio Antonio Dias Pimenta Machado Angus Tropical Globo Rural São Paulo/SP
Raimundo Nonato Duarte Rodrigues Pescado irregular Diário do Nordeste Fortaleza/CE
Jornal Clarice Couto Agronegócio entra na era da agricultura digital O Estado de S. Paulo São Paulo/SP
Murilo Viana Riqueza que vem do coco Diário do Nordeste Fortaleza/CE Melquíades Jr. e Bruno Cabral
Andre Luiz Silva Clemente Torres O caminho do campo à mesa Diario de Pernambuco Recife/PE
Multimídia Ângela Bastos Sozinhas - A história de mulheres que sofrem violência no campo Diário Catarinense Florianópolis/SC Felipe Carneiro, Júlia Pitthan, Aline Fialho, Maiara Santos, Francisco Duarte e Ricardo Wolffenbuttel
Ed Wanderley Ouro Rosa: as faces econômica, social e cultural da goiaba Diario de Pernambuco Recife/PE Foto: Rafael Martins
Thais Fernandes O inventor na produção de cafés especiais Site CaféPoint São Paulo/SP Mariana Proença
Revista Cristiano Dias Vieira A carne no olho do furacão Press Agrobusiness Porto Alegre/RS
Renata Vieira A Amazônia em risco. De novo. Exame São Paulo/SP Ana Luiza Herzog
Cassiano Ribeiro BR-163, em obras há 40 anos Globo Rural São Paulo/SP Fotos: Marcos Camargo
TV Ronaldo Ragadali Sons do Campo: Máquinas e Ferramentas RPC Foz do Iguaçu Foz do Iguaçu/PR Cinegrafista Giovani Zanardi, auxiliar José Roberto Alves, editor de imagens Nestor Lichtenow
Dalai Solino A rotina dos trabalhadores rurais do Pantanal TV TST Brasília/DF Edição de texto de Carolina Sette, imagens de Werles Neves, auxiliar de equipe Giliard Cruz, produção de Juliane Sacerdote, edição de imagens de Neuber Tavares e coordenação de redação por Paulo Mondego e Michele Castro
Georgina Maynart Empreendedor rural: Frutas da Prosperidade no Polígono da Seca TV Bahia Salvador/BA Imagens de Miro Filho, assistente Pedro Correia, edição de Alcebíades Azevedo e Antônio Ricardo, arte gráfica de Pedro Araújo